extintor de incendio

Uso de extintor de incêndio não é mais obrigatório no Brasil

Em decisão publicada nesta quinta-feira (17/09) pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran), ficou decidido que o uso de extintores de incêndio não é mais obrigatório no Brasil. A decisão foi tomada apenas duas semanas antes de se tornar obrigatório o extintor de incêndio ABC.

Um dos maiores fatores para a não obrigatoriedade da presença dos extintores de incêndio nos veículos de passeio, foi que os fabricantes dos extintores pediram prazo de 3 a 4 anos para atender a toda demanda nacional.

O Detran informou que depois de várias reuniões com as fábrica de automóveis, ficou de decidido que o extintor não se torna mais tão necessário com antigamente. Devido a alta tecnologia dos carros para evitar problemas de incêndio nos veículos, como corte automático de combustível em caso de colisão e tanque fora do habitáculo do veículo, o número de casos de incêndio caiu drasticamente.

extintor de incendio

— Tivemos encontros com representantes dos fabricantes de extintores, corpo de bombeiros e da indústria automobilística, que resultaram na decisão de tornar opcional o uso do extintor — explicou Angerami, Presidente do Contran e diretor do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).

Mas não são todos os veículos que irão se livrar da obrigatoriedade do uso do extintor de incêndio. Veículos de transporte comercial de passageiros, como ônibus, micro-ônibus, caminhões, caminhões-tratores e também para o transporte de produtos inflamáveis, líquidos e gasosos, estão ainda obrigados a utilizar o extintor de incêndio. Em caso de extintor vencido ou sem posse do equipamento, o motorista está sujeito a pagamento de multa de R$ 127,69.

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.